CONECTE-SE COM A DIVINDADE, PERMANEÇA OṀ LINE

Ter consciência de Kṛṣṇa é ir além das configurações condicionantes de nosso ego, e conectar-se, com a consciência infinita da Divindade Suprema. Isto sim, é ficar “oṁ line“. Consciência de Kṛṣṇa significa, em primeira instância, realizar a nossa verdadeira natureza eterna (ahaṁ brahmāsmi) diferente do corpo material temporário, e que somos o “si-mesmo” individual (jīva […]

VEDĀNTA, A CONCLUSÃO DOS VEDAS – por Lokasākṣi Dāsa

athāto brahma-jijñāsā “Agora, então, (vamos) indagar sobre o Brahman.” (Brahma-sūtra, 1.1) O Vedānta é um dos seis darśanas “pontos de vistas”, ou sistemas filosóficos ortodoxos da Índia e se baseia nos ensinamentos das Upaniṣads. Essas Upaniṣads, que, segundo Srila Bhaktisiddhanta Sarasvati, seriam as “instruções esotéricas dos Vedas” (Sarasvati, 1957, p. 3), procuram estabelecer a hermenêutica […]

JAGANNĀTHA TATTVA – por Lokasākṣi Dāsa

jagannāthaḥ svāmī nayana-patha-gāmī bhavatu me “Que este Senhor Jagannātha seja o objeto de minha visão.”   Os passatempos (līlā) esotéricos do Senhor Jagannātha são muito especiais e somente são revelados e podem ser concebidos pela graça do Pañca Tattva (Caitanya Mahāprabhu, Nityānanda e associados). Apesar do Senhor do Universo (jagat-nātha) ser adorado com o sentimento […]

AMOR ESPIRITUAL E A INDIFERENÇA ÀS OPINIÕES MUNDANAS – Śrīla Mādhavendra Purī

O despertar de amor espiritual por Kṛṣṇa torna as opiniões mundanas triviais (alaukika-bhāvodaye laukika-vicāra-tucchatvam). mugdhaṁ māṁ nigadantu nīti-nipuṇā bhrāntaṁ muhur vaidikāḥmandaṁ bāndhava-sañcayā jaḍa-dhiyaṁ muktādarāḥ sodarāḥunmattaṁ dhanino viveka-caturāḥ kāmam mahā-dāmbhikammoktuṁ na kṣāmate manāg api mano govinda-pāda-spṛhām “Que os moralistas rigorosos me acusem de estar iludido. Os peritos em atividades védicas podem insistir que estou desencaminhado. Meus […]

A IMPORTÂNCIA DE OUVIR KRISHNA KATHA – por Lokasaksi Dasa

O processo da consciência de Kṛṣṇa começa com o ato de śravanam “ouvir” – ouvir sobre os nomes, formas, qualidades, passatempos (līlās), morada e associados de Kṛṣṇa. Quando ouvimos com fé, e com atitude correta, os tópicos sobre e/ou falados por Kṛṣṇa (kṛṣṇa-katha), acontecem duas coisas auspiciosas: (1) pelo ouvir sobre a līlā de Kṛṣṇa […]

CRIAÇÃO DO MUNDO MATERIAL – por Lokasākṣi Dāsa

Segundo os Vedas, antes da criação, situado em Sua morada suprema, existia o Puruṣa, a Pessoa Original, e nada mais existia além dEle: asac ca sac ca parame vyoman “Além de toda causa e efeito Ele existe no céu espiritual” (Ṛg-Veda, 10.5.7). Descreve-se essa Personalidade Original nos Purāṇa e Āgamas, como Nārāyaṇa: nārāyaṇaḥ paraṁ brahma, […]

BRAHMĀ O DEMIURGO – por Lokasaksi Dasa (Lúcio Valera)

 A palavra brahma ou brahman, que é um substantivo do gênero neutro e derivado da raiz verbal bṛh “expandir”, significa “aquele que se expande infinitamente”, o “Absoluto”. Nas Upaniṣads, esse termo predomina, indicando o Todo, impregnado de essência divina, de onde tudo fluí, onde tudo repousa e para onde tudo retorna.  Essa essência não possuí […]

DEUSES E DEMÔNIOS – por Lokasaksi Dasa

Na tradição místico-religiosa do Sanātana-dharma, que teve sua origem nos Vedas, geralmente se fala na existência de 33 milhões de “deuses” (devas), que os vaiṣṇavas chamam de “semideuses”. Apesar dessa terminologia “semideus” ser utilizada em outros estudos mitológicos para indicar seres metade divinos e metade humanos, o seu uso recorrente no vaiṣṇavismo se deve ao […]